Jornalista da Globo nascida em Morrinhos morreu aos 64 anos

Jornalista da Globo nascida em Morrinhos morreu aos 64 anos

facebook sharing button

Cristiana Lôbo morreu aos 64 anos nesta quinta-feira (11), em São Paulo, em decorrência de um mieloma múltiplo agravado por uma pneumonia. Jornalista e comentarista da Rede Globo, ela nasceu em Morrinhos, Goiás, e começou a carreira cobrindo política no Estado, até se mudar para Brasília.

Formada em Comunicação Social na Universidade Federal de Goiás, seu primeiro emprego na área foi como estagiária em 1978 na editoria de política em um jornal local de Goiânia. Em 1979, foi para a sucursal de “O Globo” em Brasília.PUBLICIDADE

Cristiana foi setorista do Ministério da Saúde, onde cobriu um acontecimento importante: a obrigatoriedade da criação da carteira de vacinação. Ela também acompanhou de perto as decisões do Ministério da Educação. Em 1984, foi para o Congresso Nacional, onde aproveitou para conhecer a fundo o trabalho de cada deputado.

Em 1986, Cristiana passou a ser assistente de Tereza Cruvinel na coluna Panorama Político, do jornal “O Globo”, e em 1992 trabalhou com Ricardo Boechat. No mesmo ano, assumiu uma coluna em “O Estado de S. Paulo”, onde ficou até 1998.por taboolaLinks promovidosVocê pode gostarBolsonaro foi levado a UTI e intubado, diz FlávioDivórcios entre celebridades que nos deixaram chocadosWordsaAos 83 anos, ator Jonas Mello é encontrado morto em seu apartamento em São PauloJornal Nacional repercute pedido de desculpas de Lula sem mostrar vídeohttps://20e3dce3dd7f1e187621a4011b883c5f.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Estreia na televisão

A estreia na televisão foi na GloboNews, em março de 1997. Lá, passou a integrar o time de comentaristas do Jornal das Dez, analisando os principais fatos da política e os bastidores do poder, além de marcar presença nos telejornais da casa.

Comandou também o programa Fatos e Versões e a coluna os bastidores da política, no g1. O último texto publicado no blog foi há um ano, quando falou sobre a decisão do presidente Jair Bolsonaro de começar a ouvir políticos, e não só Paulo Guedes, em assuntos relacionados a economia.

Cristiana cobriu os governos João Figueiredo, José Sarney, Fernando Collor de Mello, Itamar Franco, Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva, Dilma Rousseff e Jair Bolsonaro.

Ela estava afastada da GloboNews desde setembro de 2020. Na ocasião, escreveu no Twitter que ficaria fora do ar para cuidar da saúde. “Volto tão logo esteja habilitada. Mas posso passar eventualmente por aqui para dar notícia ou uma avaliação da vida louca que estamos vivendo. Beijos em todos”, escreveu na época.

Desde então, fez publicações falando sobre seu estado de saúde – em junho informou que estava bem e “logo voltaria com força e garra – e comentários sobre a situação política e econômica brasileira.

FONTE:https://revistaforum.com.br/